quinta-feira, 11 de setembro de 2008

Do virtual para o real

Bom, muito já se falou, quer na rua como em outros âmbitos sobre os chats da televisão. Muitos dos canais já aboliram ou pararam momentaneamente de apresentar esta outra forma de ser e de estar das novas tecnologias nas nossas vidas. Outros canais há que se tornaram experts nesta área dos chats na Tv!

Veja-se o exemplo abaixo, compilado numa das inúmeras de insónia e reflexão:

[03 :40 :52] 36 anos, alto forte, escuro, procuro moça magra ou normal, séria de 25-28 anos, mínimo 11ª classe não gorda. Ligue ...

[03:41:07] Conheçam-me, Saint-... nr... de mocuba, músico, preciso de fazer amizades com fêmeas manda sms ou liga e vamos cantar

[03:41:13] Ola fofas da Beira chamo-me Rizal, alguém quer chatar comigo?

[03:43:00] Procuro uma miúda para namorar de 20-24 anos. Liguem 8...

[03:44:26] Serena de Mocuba sou uma mulher de 29 anos sulteira mãe de 1 filho, estudante 12ª precuro 1 homem infeliz para caso sério. Nada de bips ai vai o nr 8...

[03:44:49] Sou Wilson, bonito charmoso, 1.75 trabalho, quero fazer amizade com alguém responsável. Ligue ....

[03:46:11] Sou homossexual. 8...

[03:55:00] Olá modera. Gostaria de conhecer moça entre 22-27 anos, seria, atenciosa, universitária. Sou simples, 22 anos, docente N2 (bacharel).

[03:56:33] Jovem de 30 anos, mãe de menina de 3 anos pretendo fazer amizade com jovem homem de 35-45 anos.


[03:59:01] Sou gordo. Tenho 22 anos e procuro mulher mais velha para namorar. Pode ser gorda ou magra.

[04:00:00] Procuro mulher para relacionamento sério. 8... Maputo

[04:00:07] Procuro uma deusa que tenha 15-17 anos. Linda, k ñ seja timida e k ñ se envergonha.

Em pouco mais de 20 minutos rolaram, repetidas vezes no mesmo canal, as mensagens acima. Como se pode depreender, o que mais se procura nos nossos chats são pessoas virtuais para relacionamentos reais e, vinque-se, carnais e momentâneas.

Que o HIV/Sida é uma cruel realidade, já todos estamos cansados de saber. Que o chat é uma entrada escancarada para tragédias, talvez os usuários não o saibam. Inúmeros são os relatos, de outros países, de casos de rapto, escravidão sexual e/ou transmissão intencional de doenças perigosas e em cadeia usando esta e outras vias.

Não é menos verdade que se pode encontrar a cara-metade ou o amor da sua vida bastando para isso preencher os requisitos pretendidos e responder pela via de um sms, sempre ele, claro está! São casos excepcionais e... tudo é possível, mas valerá a pena tanto sacrifício ou exposição a tais riscos?

PS: De referir que omiti algumas mensagens com objectivos comerciais. Os erros, são os que rolam na tela dos nossos receptores televisivos sendo quem em algumas palavras inseri a respectiva acentuação.


10 comentários:

Jorge Saiete disse...

Amiga, então tu não dormes? Eu quando não tenho sono e a madame não esteja para mim, prefiro ler "o capital do Marx" que a preguiça não me deixa concluir a obra.

De facto esta estória de chat é interessante, dela facilmente dscubrimos quão deficil é achar parceiro(a) sério(a) nesta pérola do Indico.

olha, este é um assunto muito sério, eu tenho vivido várias estórias de mulheres formadas e economicamente estabilizadas que me vem chorar por falta parceiros. Pena a nossa lei não tolera poligamia senão eu já teria 20 esposas(sei que aqui me vais bater).

Amiga, há muitas mulheres e homens que vão ao chat não por mero capricho mas porque estão mesmo aflitos em achar alguem que os complete. Agora, o que não sei dizer é se o chat é ou não o melhor local para tal.

Ximbitane disse...

Durmo sim! Mas durmo cedo e logo acordo com os galos, mas as vezes tenho insonia ou entao aproveito a paz e silencio para avançar trabalhos que requeiram extrema concentraçao.

Indo ao cerne da questao, Saiete, concordo com muito do que dizes e nao levas tau tau nao, mas levarias se...

Que os chats demonstram claramente que os afectos estao dificies de se estabelecer à moda antiga, la isso demonstram. Como também demostram um certo egoismo da nossa parte em encontrar a pessoa ideal, apenas aquela que responde claramente aos nossos desejos.

Pergunto-me o que se fara das imperfeiçoes das pessoas, aquelas que so conhecemos vivendo com elas, pois o que vejo é apenas a procura da perfeiçao, logo do aspecto fisico. Também ja ouvi ou vi, nesses chats da tv, pessoas a reclamarem da mentira quanto aos perfis.

Essa estoria de mulheres formadas e carentes de afectos, também é muito verdade e os chats tem sido um refugio ou o paraiso para algumas, assim como para alguns homens.

Mas sei tambem de homens que se aproveitam disso para terem muitas mulheres e, desculpem-me, lucrarem com isso. O exemplo claro é o de uma amiga que acabou entrando na onda dum chatista que afinal era um prisioneiro na BO. O chato foi mais tarde descobrir que ele "acarinhava" montes de mulheres, a irma dela incluida.

Agora se é bom ou mau, francamente nao sei dizer. Alerto apenas a ambos para os riscos dessa passagem do virtual para o real!

Jonathan McCharty disse...

Chat pode se fazer, mas acho nao ser etico, que o mesmo seja feito pela TV. Que quem quiser, use outros meios "privados" como a internet para fazer a "interaccao" que deseja.

Quando a TV passa uma sms do tipo "...mas nao pode ser gorda", esta' a legitimar uma forma de discriminacao! Os excertos que apresentas, mostram na sua maioria, teores e expressoes cuja difusao atraves de um meio publico como a TV e' inaceitavel! O que exactamente faz o CSCS? Nao veem essas barbaridades que estao a ocorrer??

Nelson disse...

Mana anda muita ingenuidade nessa historia de chats. muita gente se mete onde se mete se saber a sarna que esta procurando.

Chacate Joaquim disse...

Ximbita!

Jorge Saeta tem razão há tanta mulhersuda a que nesta cidade que tem vício da liberdade (o que é mau) se queres liberdade serás infeliz é bom porque não deves satisfação a nínguem porque filhos podem ficar com a empregada e ném receberem nenhuma satisfação de algumas acções dos progenitores.

JS. eu também estou lendo o Capital que comprei na rua mas há interferência do JOSEPH HANLON E TERESA SMART que entrucaram a minha leitura e virei as antenas para eles com o "Há mais Bicicletas mas há desenvolvimento" extremamente interessante esta oubra.

quanto a poligamia ahahah... terias de ser Líder mesmo para administrar a tua família por que mulher é uma coisa muito difícil acredito que mesmo com a única que tem em alguns momentos ficas bem constragido para tomar algumas decisões. a lei só faz bem seriamos agredidos ou elas iam se matarem.

Eu tenho acompanhado essa de Chats só não posso argumentar a prudência com que se faz e se chega mesmo a dita construção social (família)

"Chat pode se fazer, mas acho nao ser etico, que o mesmo seja feito pela TV. Que quem quiser, use outros meios "privados" como a internet para fazer a "interaccao" que deseja".

Jonathan pode ter razão também só que por mim a sms deveriam ser seleccionada para irem ao ar porque internet? é selectivo demais meu irmão... e um relacionamento é uma necessidade nato do Homem com ou sem propriedade.

Ximbita Homem que não tem esposa é falta de vontade a gora mulher que não tem esposo é escassez mesmo... há racionalidade no que estou dizem ehm!

Abraços a miga ah ah ah ah ah

Ximbitane disse...

Jonathan, questionando o papel do CSCS ja estas a ir muito longe. Eu questiono o papel dos moderas (moderadores) que sao pagos com o erario publico!

Entendo que as TV's sejam a alternativa para a falta de acesso a Internet que muitos nao tem, eu incluida. Mas os meios nao justificam os fins!

Se se utilizasse, por exemplo, os tais chats para debates construtivos ou até mesmo ensino a distancia, ai que seria bom. Mas as futilidades estao sempre em primeiro plano

Ximbitane disse...

Pois, mano Nelson, mergulhar nos chats com tanta profundidade, sob pena de por em risco a propria pele, é como dormir num canil e acordar com as pulgas!

Ximbitane disse...

Hmmm, CJ, o que o Saete diz é que ha muita mulher sem homem, se bem percebi! Alias, consta que os ultimos dados estatisticos dao quase 10 mulheres para 1 homem. Sera esse o pretexto para os nossos homens terem tantas casas 1,2,3,4,5, etc, etc?

Quantos aos chats, também nada posso dizer quanto a construçao da familia. Mas sera essa a preocupaçao maior? Pelo que pude notar, do que anotei, o que esta em destaque é a procura de sexo ou de um parceiro momentaneo.

Avid disse...

Os famosos chat’s…

Isso encanta desde que surgiu na net, pelos celulares e agora pelas Tv’s comerciais. A possibilidade da escolha do “outro” de acordo com as características que se procuram torna isso extremamente atrativo, principalmente aos adolescentes ou até quem procura sexo e porque não amizades sem as mesmas caras usuais nas quais nos perdemos entre risos e fofocas mal contadas, entre familiares, colegas de trabalho e de bar.

A crença de que do outro lado da tela (TV ou Net) existe alguém procurando o mesmo leva a que esse “passatempo” seja cada vez mais usado. Sinceramente? Não sei se condeno ou se gosto disso, já frequentei (quando tudo me parecia novidade, canso-me facilmente destas modernidades) salas de papo virtual e nem sempre se encontra esquisitices ou disseminação de valores morais distorcidos, mas também se faz amizades que podem perdurar pela vida e que pouco exigem de ti a não ser a possibilidade de encontrarmos limites.

Numa critica positiva caminhar-se na direcção do que interessa e apenas da essência do que se busca, faz dos chat's uma coisa interessante. E isso se faz dentro e fora dessas conversas pouco ou muito inocentes, minha opiniao, claro.

Na pressa do dia-a-dia, resta-nos pouco tempo para buscar-mos sem limites o que muitas vezes nos interessa (amizades, negócios, sexo,…) e nesses espaços cada um vai “directo”ao ponto da sua própria questão. O QUE se quer ou até QUEM se quer. Os limites são claros e se deixam sobressair como no exemplo dos anuncios que colocaste no post.

Quanto ao HIV SIDA, ah… Chat na TV é apenas mais um dos meios para chegar até nisso. Cabe a educação e a responsabilidade individual para saber usar estas “modernices” de forma positiva e maximizando o seu poder no combate a esse drama.

Aproveitar uma pedagogia em tudo, principalmente no que parece não parece ter nos leva ao futuro.

Comunicação é o caminho… M’bora lá chatar hehehe
Bjs meus

Ximbitane disse...

Diva, digo, Avid, eix, realmente é dificil tomar um posicionamento quanto aos chats. Mas agora levantas outro X da questao: adolescentes nesse meio.

Realmente os telemoveis sao instrumentos incriveis. Por um lado, para estarmos on e em contacto a qualquer momento e em qualquer espaço, mesmo naquele em que nao estamos.

Conheces aquela do marido que diz a mulher "nao posso buzinar por que estou perto do cemiterio" e que tem como resposta uma ofegante voz: "eu sou cemiterio?" Pois, essa é uma das magias dos télélés.

Por outro lado, os telemoveis sao armas mortiferas. Ouviste falar daquele tipo que "engatava" tudo e todas e esbanjava mola apenas porque era seropositivo e porque nao queria morrer sendo ele o unico condenado?

Pois é, o telemovel tem funçoes multifacetas, chat incluido!