sexta-feira, 28 de novembro de 2008

Desabafo de um boi

A semelhança da postagem Face das Maputenses, não resisti a outro mail que caiu na minha inbox pois também espelha a imagem que se tem das mulheres de Maputo, em particular, e de Moçambique no geral, no capitulo das relações intimas. Neste mail, o autor não se coibiu de chamar os bois pelos seus nomes! Os arranjos ao texto e as abreviações nas palavras de caracter ofensivo, são minhas. Ei-lo:


Nota 1

Hoje as meninas das nossas cidades por ano f... em média com 3 a 5 homens diferentes. O 1º porque namora com ela ou é casado com ela, o 2º é o colega de trabalho, o 3º é o que a iludiu com um bom carro, jantares em restaurantes de luxo, garante bons passeios em viagens e locais turrísticos, "garante bons finais de semana" . O 4º garante-lhe arranjar um bom emprego e o 5º pode ser o que a desvirginou, o ex-namorado, um pito que f... bem ou colega de escola que ela deseja apostar para o futuro.

O pior de tudo é que o único que não a f... é o que está disposto a construir uma vida com elas, a amar-lhes para o resto da vida e fazer-lhe feliz e que ela só se recordará dele quando ficar para titia o que será tarde demais.


Nota 2
Prestem bem atenção: O primeiro que é o namorado ou o marido só está com ela porque ela o escolheu por ter condições confortáveis mais não deixa de ser um cornudo e pode vir a ser pai de um filho ou filha da p.... Me pergunto onde vamos com está sociedade em que nas nossas cidades todo o récem-nascido é um filho da p....!


Nota 3
Se não queres ter um filho da p... só tens duas opções:
  • Ou engravidas uma quatorzinha antes que se torne p... , o que pode te levar a cadeia;
  • Ou vais ao distrito e trazes um camponesa a cidade.
Caso contrário, meu irmão, seras pai ou, por outra, já és pai de um ou uma filho/a da p.... Ti paciência (música do angolano Maya Cool), não é o único que deve assumir. Agora repitam o coro:
  • Nós moçambicanos assumimos com tanta dor e vergonha que as damas da cidade de Maputo são p...;
  • Nós moçambicanos assumimos que as damas da cidade de Maputo só estão ao nosso lado por interesse;
  • Nós moçambicanos assumimos que fingimos que não sabemos que as nossas damas são p...;
  • Nós moçambicanos assumimos que somos e seremos pais de filhos da p....

Nota 4
Peço desculpa a toda moça que não é p... disfarçada ou por outra que só f... com apenas 1 homem durante este ano ou estes anos o qual é seu namorado ou marido . Eu sei que existem algumas jovens que estão nas suas relações bem sucedidas ou mal economicamente mais apenas por amor e também há casos de quem está sem namorado porque de facto há falta de homens de qualidade.

Lamento por isso mas encorrajo a toda jovem de bons princípios que vá atrás de quem mereça o seu amor, se acha que ele a ama de verdade, mas eu precisava mandar esta mensagem para quem quer que seja para que assumamos a nossa identidade com esse conselho:

Moças jovens de Maputo, não nos iludam assumam a vossa identidade para que não causem transtornos aos que apostem em vocês. Se es pedreiro assuma que es que te procuram para as suas construções, qualquer profissão deve ser assumida para melhor termos sucesso, por isso moças assumam que são p... para melhor clientela terem! Quem sabe, alcançam muito rápido o que vocês tanto querem sem tirar a reputação da vossa família e dos vossos companheiros e pôr a vida deles em risco pelas DTS's/Sida.

15 comentários:

Nyabetse, Tatinguwaku disse...

Meu deus, ate fiquei mal disposta por ler tanta raiva do autor deste texto!

Sempre fico intrigada pela posicão de vitima que as pessoas assumem, e pala falta de respeito para consigo e para com as mulheres. E pela facilidade com que atiram pedras.

Nós mulheres somos a fonte da vida, e sem nós nao existiria nenhum homem. E vice-versa!

Xim, acho que volto mais tarde para falar um pouco mais sobre este texto. Ou nao digo mais nada, pois nem vale a pena...

beijocas

X!mb!t@nE disse...

Oh, Nyabe, vem sim! É momento de fazermos algo por estas imagens devastadoras. O que dirão os outros?

Nyabetse, Tatinguwaku disse...

Concordo, ninguem vai fazer a mudanca se nao nós mesmas. Mas uf, nao vai ser tarefa fácil. mas eu volto.

Nini disse...

Puxa… que parvoíce!
Será que nós mulheres devemos compreender a frustração do autor deste texto? Penso que não, independentemente da quantidade de “chefres” que recebeu , isso é falta de respeito e falta de carácter com as mulheres. Antes dele pensar em escrever isso devia pensar primeiro que a mãe é uma mulher e as irmãs também. O que ele pretende com este texto? Desestimular as moças “materialistas” ou alertar aos outros para não cairem no mesmo erro? Dessa maneira, acredito que não vai ao lugar nenhum. Quanta estupidez na cabeça de um chefe de família, se calhar.
Estou chocada...

SHIRANGANO disse...

Xiiii...esse "mamen" deve ter apanhado varias "cabeçadas", coitado!

X!mb!t@nE disse...

Entendo a tua revolta, Nini! A generalização tem destas coisas, todas levam na tabela, como aconteceu na postagem Face das Maputenses.

Só me pergunto, com quem as tais mulheres "se prostituem"? Não é com os homens? Se assim é, entao, como os chamaremos, já que para as mulheres há um nome? Chifrudos ou chifradores?

X!mb!t@nE disse...

Muito frustrado deve estar este "mamen", Shir, muito mesmo. O pobrezinho ja nem deve aguentar com a propria cabeça tanto mais que nem se dá conta que acaba insultando as pessoas de que a Nini fala.

Júlio Mutisse disse...

Cá estamos de novo. Lembrem-se do que sugeri na postagem anterior sobre um fenómeno similar. Reflictamos sobre a imagem que temos da mulher e sobre a imagem que a mulher transmite de si.

Que imagem eu, como homem, tenho da mulher? Que imagem é que a mulher transmite de si.

É fácil "assobiar para o lado" [ximbitanamente falando] e atribuir estes emails a simples frustrações de cornos ou ex cornos. Mas se olharmos bem ao lado somos capazes de encontrar algum ponto de referência para estas situações.

Com quem estarás nas tertúlias do fim de semana? Quem estará ao seu lado (homem) na tradicional cerveja do fim de semana? Quem?

Se calhar se não formos para muito longe do que nós mesmo ou as pessoas a nossa volta fazem descobriremos um módulo de vida similar ao descrito nesta postagem e, se calhar, encontremos uma hipótese para explicar a cogumelarização de pensões e residenciais que, se calhar, mais não são do que o refúgio da mulher do vizinho com o seu chefe (é que a minha não pode ser)!

Bom fim de semana gente.

Mutisse

Eu pelo menos estarei num convívio com muitos de vcs daqui a pouco por isso... estou clean.

oliveira disse...

sem querer ofender o artista da prosa, antes pelo contrário, deixo-lhe uma palavra de conforto!
Quem escreve assim não fica corno, já nasceu corno.
As moçambicanas continuam lindas e mais ou menos sérias como outras quaisquer.

Chacate Joaquim disse...

Olá pessoal!este postador é experiênte! ahahah... apelo as mulheres para não provocarem a fúria dele se não a guerra nos vitima todos.

bjs Ximbitanas

X!mb!t@nE disse...

E o encontro foi agradavel, nao é Muthisse? Pena que... Enfim!

X!mb!t@nE disse...

Hehehehe, Oliveira, essa é boa! Mulher é mulher sempre e em qualquer lugar, agora, se sao todas iguais em atitudes e comportamentos, quiça?

X!mb!t@nE disse...

Achas Chacate? Ou corre o risco de, para além ded carregar cornos, ser castrado?

Jonathan McCharty disse...

Epa, esse tipo e' um "cornudo", "chifrudo" e tudo o mais que termine com "do"!

Mas isso, retira a "essencia" do problema que ele aqui adressa?? Estara' ele a falar de assuntos de outra "galaxia", que as pessoas aqui neste forum nunca presenciaram, nunca ouviram falar, nao conhecem alguem que se encontre nesse "circuito"?!?

Quem acha que a resposta e' SIM ou NAO, que atire a primeira pedra! Eu ja' juntei as minhas aqui!

"Vamos z'embora"! (como diz Samanguana, naquela musica "Tio Antonio")

X!mb!t@nE disse...

Jonathan, a essencia da coisa, entanto que tal, nao é retirada, acredito. Mas, questiono, porque deste jeito? As mulheres "prostituem-se" sozinhas? E os homens que pulam de cama em cama porque isso os faz mais machões?